Ícaro alerta que gasto com pessoal em Sinop aumentou nos últimos três anos

Ícaro alerta que gasto com pessoal em Sinop aumentou nos últimos três anos

O limite máximo de gasto com pessoal é de 54%, e a Prefeitura de Sinop já gastou 53,44% em 2018

“O município tem que fazer a sua economia também”, discursou o vereador Ícaro Francio Severo (PSDB) durante a 12ª Sessão Ordinária, realizada na tarde de ontem (29). Essa fala ocorreu enquanto o parlamentar apresentava dados sobre os gastos da Prefeitura de Sinop com a folha de pagamento.

Ícaro observou que a despesa com pessoal aumentou, gradativamente, nos últimos três anos. As informações estavam disponibilizadas nos anexos no Projeto de Lei nº 013/2019, que aprovou o plano de amortização para cobertura do déficit atuarial (relativo à cobertura dos compromissos dos planos de benefícios previdenciários).

Em 2016, a Prefeitura de Sinop arrecadou uma Receita Corrente Líquida (RCL) de R$ 332,9 milhões e gastou com o pagamento de folha salarial R$ 163,2 milhões, ou seja, 49,02% do recurso. No ano seguinte, ainda que a receita tenha diminuído para R$ 325,1 milhões, a despesa com pessoal seguiu aumentando, passando para R$ 166,8 milhões (51,31%).

“É preciso estabelecer prioridades. Estamos falando de gestão. Os dados demonstram total incoerência! Como que o gasto com folha salarial aumenta em um ano em que a receita diminui?”, ponderou Ícaro.

Já em 2018, a receita foi de R$ 361,1 milhões e o gasto passou a ser de R$ 193 milhões, o que representa 53,44% do recurso arrecadado. “Ou seja, no ano passado a arrecadação aumentou e a Prefeitura teve a oportunidade de economizar, porém seguiu aumentando esse custo”, acrescentou.

Ícaro ainda lembrou que o limite máximo do Executivo Municipal, estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), é de 54%. “A Prefeitura já está chegando no teto de gasto”, pontuou. O limite de alerta (48,60%) e o limite prudencial (51,30%) já foram ultrapassados.

Weslley Mtchaell – Assessor de Imprensa

Enviar mensagem
Precisa de ajuda?
Olá, tenho uma dúvida!