Ícaro será relator da Comissão Especial sobre representação contra a prefeita

Ícaro será relator da Comissão Especial sobre representação contra a prefeita

A Comissão Especial terá 10 dias para elaborar um parecer sobre a possibilidade de instauração de representação contra a prefeita de Sinop

A Câmara Municipal de Sinop sorteou, na tarde de hoje (29), durante a 36ª Sessão Ordinária, três vereadores para compor uma Comissão Especial. Essa Comissão terá o prazo de 10 dias para elaborar um parecer sobre a possibilidade da instauração de uma representação contra a prefeita de Sinop, Rosana Martinelli (PL).

A representação contra a prefeita foi recomendada no relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investigou possíveis irregularidades em obras públicas que estavam sendo executadas pela empresa Águia Engenharia. De acordo com o relatório, foram constatados pagamentos irregulares para todas as obras, causando um dano ao erário na ordem de R$ 571.879,38.

Para participar do sorteio e compor a Comissão Especial, cada partido indicou um nome. Foram impedidos de participar do sorteio os vereadores que fizeram parte da CPI (Dilmair Callegaro – PSDB, Leonardo Visera – PP, Professora Branca – PL, Maria José – MDB e Lindomar Guida – MDB), além dos vereadores Remídio Kuntz (PL) e Luciano Chitolina (PSDB), presidente e primeiro secretário da Câmara.

Quatro vereadores foram indicados ao sorteio: Ícaro Francio Severo, pelo PSDB; Joacir Testa, pelo PDT; Hedvaldo Costa, pelo PL; e Joaninha, pelo MDB. Apenas três nomes foram sorteados para compor a Comissão Especial, sendo: Ícaro, Joacir e Hedvaldo.

Logo após a sessão, os três vereadores sorteados se reuniram para definir os cargos de cada um dentro da Comissão Especial, ficando definido da seguinte forma: Joacir Testa (presidente), Ícaro Francio Severo (relator) e Hedvaldo Costa (membro).

Assim que apresentado o relatório, deverá ser votado em uma sessão extraordinária dentro de 10 dias. Se aprovado em plenário, o parecer será encaminhado à Comissão de Justiça e Redação, para que a representação seja formalizada e endereçada ao Procurador-geral de Justiça. Após esse procedimento, o presidente da Câmara tem o prazo de até três dias para o envio.

Weslley Mtchaell – Assessor de Imprensa

Enviar mensagem
Precisa de ajuda?
Olá, tenho uma dúvida!