Empresário reclama da burocracia imposta pela Prefeitura de Sinop

Empresário reclama da burocracia imposta pela Prefeitura de Sinop

Ícaro já sugeriu, em setembro de 2017, algumas melhorias para o setor de tributação, porém a Indicação não foi atendida

Não podemos deixar a burocracia ser o maior obstáculo ao cidadão e principalmente aos empresários dessa cidade”, apontou o empresário  Silvio Lopes de Moraes. “Estamos no século 21. Precisamos trazer os atos administrativos para o hoje”.

A principal reclamação de Silvio é quanto a exclusividade de pagamento de impostos em apenas uma instituição financeira (Caixa Econômica Federal). Segundo ele, a Prefeitura de Sinop deveria facilitar o atendimento no setor de tributação, autorizando, por exemplo, o pagamento desses tributos via aplicativos bancários.

Da forma que está, o empresário é obrigado a andar com dinheiro vivo no bolso para pagar esses tributos, expondo ao risco de assalto. Isso poderia ser perfeitamente evitável se pudéssemos realizar o pagamento por aplicativos”, argumentou.

Em consequência dessa limitação imposta pelo Executivo, o setor de tributação – que fica em um espaço apertado dentro do prédio da Prefeitura – forma filas, tumulto, prejudica o atendimento realizado pelos servidores e, principalmente, faz com que os munícipes percam boa parte do seu tempo ali.

Através da Indicação nº 532/2017, aprovada na 29ª Sessão Ordinária do dia 11 de setembro de 2017, o vereador Ícaro Francio Severo (PSDB) já havia indicado as seguintes melhorias nesse setor: pagamento de tributos em qualquer agência bancária; disponibilização de quadros de avisos, informando a lista de documentos e procedimentos necessários para cada serviço oferecido; e atendimento do posto bancário até, pelo menos, às 13h.

Infelizmente não tivemos nenhum retorno dessa indicação. Se essas nossas ideias tivessem sido acatadas, certamente não teríamos empresários e munícipes – assim como o senhor Silvio – reclamando do atendimento no setor de tributação”, relatou Ícaro.

O assunto foi novamente levantado por Ícaro, durante a 1ª Sessão Ordinária deste ano. O parlamentar já havia mostrado a reclamação à vereadora e líder do Executivo na Câmara, Professora Branca (PR).

Em resposta, Branca informou que a reclamação chegou à prefeita e que o sistema está sendo trocado. “Vamos estar avançando nessa questão do sistema e é muito importante porque, realmente, estava obsoleto”, disse.

Weslley Mtchaell – Assessor Parlamentar

Enviar mensagem
Precisa de ajuda?
Olá, tenho uma dúvida!