Acadêmicos de Engenharia Elétrica da Unemat reúnem-se com vereadores

Acadêmicos de Engenharia Elétrica da Unemat reúnem-se com vereadores

A proposta foi trocar experiências, discutir melhorias para a cidade e colocar os jovens à par das principais demandas de Sinop

Quatro acadêmicos do curso de Engenharia Elétrica da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) de Sinop – Elton Fernandes dos Santos, Júnior Cavequia, Lenon de Mello e Renan Piva – estiveram reunidos, na tarde de hoje (15), com os vereadores Ícaro Francio Severo (PSDB), Adenilson Rocha (PSDB), Luciano Chitolina (PSDB), Joacir Testa (PDT), Ademir Debortoli (MDB) e um representante do vereador Joaninha (MDB).

Conforme explicou o professor de sociologia que acompanhou os jovens, Edvaldo Lourenço, trata-se de alinhar os conhecimentos teóricos aprendidos na aula com a prática vivenciada diariamente pelos vereadores. “A ideia é vincular a teoria com a prática e proporcionar um momento em que eles possam perceber quais são as principais demandas da cidade. Eles são profissionais que vão atuar no futuro atendendo essas demandas”, disse.

De um modo geral, os alunos trouxeram dúvidas relacionadas à saúde, educação, infraestrutura, saneamento básico, impostos, assistência social, cultura e esporte. Problemas práticos que os jovens vivenciam no dia a dia também foram apontados, com o propósito de sugerir e contribuir com o desenvolvimento da cidade.

Complementando alguns apontamentos dos acadêmicos, Ícaro lembrou a defasagem do Plano Diretor da cidade, que é de 2006. “É no Plano Diretor que são incluídas várias situações de planejamento e desenvolvimento organizado da cidade. Já cobramos o Executivo sobre a urgente necessidade de atualiza-lo. Como Sinop é um polo educacional, sugerimos inclusive a utilização de acadêmicos da cidade para que, ao lado de projetistas, engenheiros e demais profissionais, fizessem esse trabalho”, destacou o vereador.

Ao final da reunião, o professor enfatizou a importância da participação dos jovens na política e nas discussões sociais. “Acredito que esse é o caminho. Os jovens têm muitas ideias e querem mudanças, querem transformações. O jovem na vida política e social pode trazer contribuições que, às vezes, passam despercebidas no dia a dia dos adultos. Então a aproximação dessas gerações pode proporcionar o ‘casamento perfeito’ que pode ajudar os dois lados”, concluiu.

Weslley Mtchaell – Assessor de Imprensa

Enviar mensagem
Precisa de ajuda?
Olá, tenho uma dúvida!